13 de julho de 2016

Em Amazing Aerosmith canta a emocionante vitória de ter superado as drogas


Amazing
Steven Tyler e Richie Supa

I kept the right ones out 
And let the wrong ones in 
Had an angel of mercy to see me through all my sins 
There were times in my life 
When I was goin' insane 
Tryin' to walk through 
The pain 
When I lost my grip 
And I hit the floor 
Yeah,I thought I could leave but couldn't get out the door 
I was so sick and tired 
Of livin' a lie 
I was wishin that I 
Would die 

[Chorus:]
It's Amazing 
With the blink of an eye you finally see the light 
It's Amazing 
When the moment arrives that you know you'll be alright 
It's Amazing 
And I'm sayin' a prayer for the desperate hearts tonight 

That one last shot's a Permanent Vacation 
And how high can you fly with broken wings? 
Life's a journey not a destination 
And I just can't tell just what tomorrow brings 

You have to learn to crawl 
Before you learn to walk 
But I just couldn't listen to all that righteous talk, oh yeah 
I was out on the street, 
Just tryin' to survive 
Scratchin' to stay 
Alive 
[Chorus]

Desperate hearts, desperate hearts

Na página O Lobo do Rock no Facebook eu publiquei o vídeo com a versão acústica e íntima tocada para os pacientes da clínica de reabilitação onde Steve Tyler esteve internado. É muito emocionante, especialmente aos 1:13'' quando ele chora.

Esta canção é sobre a escalada de volta ao topo depois de ter atingido o fundo do poço. Steven Tyler e Richie Supa escreveram para as crianças na Fundação Caron, que é centro de reabilitação de álcool e drogas na Pensilvânia, onde Tyler reconquistou a sobriedade, em 1986.

A letra fala das lutas que os integrantes do Aerosmith enfrentaram e superaram quando foram confrontados com problemas de droga e álcool, bem como diferenças criativas que ameaçava acabar com a banda. A linha: "That one last shot's a permanent vacation" ou "O último tiro de férias permanentes" refere-se ao álbum da banda Permanent Vacation, que colocou-os novamente no topo. A linha "How high can you fly with broken wings?" ou "o quão alto você pode voar com asas quabradas?" é uma referência ao seu logotipo, que contém um conjunto de asas.

Na canção, Steven Tyler canta sobre os tempos duros em sua vida ("I thought I could leave, but couldn't get out the door", "I was wishin' that I would die", "Scratchin' to stay alive" ou "Eu pensei que poderia sair, mas não podia sair da porta", "eu estava achando que eu ia morrer", "me coçando para permanecer vivo") e como ele chegou a compreensão da realidade e escapou de seus tempos difíceis ("It's amazing... With the blink of an eye you finally see the light" - em português - com um piscar de olhos você finalmente ver a luz... "When the moment arrives that you know you'll be" - PT - Quando chega o momento... você sabe que vai dar certo.") e como ele está dizendo: E estou fazendo uma oração... Pelos corações desesperados esta noite."

As letras dizem respeito, principalmente, às lutas da banda contra as drogas e álcool e sua posterior recuperação, o renascimento de sua carreira musical na década de noventa e ter a última chance importante de ser o que deveriam ter sido sempre - "That one last shot's a Permanent Vacation and how high can you fly with broken wings? Life's a journey not a destination And I just can't tell just what tomorrow bring You have to learn to crawl Before you learn to walk But I just couldn't listen to all that righteous talk. I was out on the street Just tryin' to survive Scratchin' to stay Alive." Ou em Língua portuguesa "Tenho um último tiro em férias permanentes, e quão alto você pode voar com asas quebradas? A vida é uma jornada, não um destino, e você apenas não pode dizer simplesmente o que acontece amanhã. Você tem que aprender a engatinhar, antes de aprender a andar, Mas há pouco eu não pude escutar aquela conversa correta. Eu estava nas ruas... Só tentando sobreviver... Superar pra ficar... Com vida."

A canção tem um piano tocando constantemente durante toda a canção, a condução dos riffs de guitarra e o solo, cabem tanto a Joe Perry quanto a Brad Whitford enquanto Steven Tyler se entrega emocionalmente à letra, incluindo seu grito característico, no final da canção. Há também uma participação especial de Don Henley, que faz o vocal de apoio.

O vídeo foi dirigido por Marty Callner, e é bem conhecido por sua descrição da tecnologia digital e caracterizou a segunda aparição de Alicia Silverstone[2] em vídeos da banda (a terceira foi em Crazy). Junto com ela estavam Jason London estrela de Dazed and Confused - Dazed and Confused é um filme que foi lançado no mesmo ano de "Get a Grip" e memorável, que fez inúmeras referências ao Aerosmith. Os personagens são apresentados no vídeo da música como duas crianças "ciberespaço" que escapam para um mundo de realidade virtual juntos, ambos sem perceber que o outro também está fazendo parte desta "realidade".

No mundo dos sonhos virtual, os dois embarcam em uma viagem de moto e paraquedismo, e participam de uma sessão de makeout fumegante.

Uma parte do vídeo apresenta os personagens do embarque ao tomar o voo em um biplano, o que, combinado com a tecnologia digital, cria o que é muitas vezes considerada como uma dicotomia entre a fascinante tecnologia antiquada e moderna, que de certa forma apresenta um paralelo para os caracteres

Entretanto, os membros da banda tocam em vários pontos ao longo da canção, inclusive dentro de um túnel, bem como fotos individuais de Steven Tyler em uma sala sozinho e Joe Perry tocando um solo de guitarra com uma paisagem em segundo plano. Joe Perry também sofreu um traumatismo craniano leve durante a realização do vídeo.

No final do vídeo, é descoberto que era Silverstone que estava a realizar a fantasia virtual. Muitos críticos hoje consideram o vídeo como um alerta ao perigo do "ciberespaço".

A versão em vídeo da canção foi prorrogada por 52 segundos no final, pois dois circuitos foram inseridos.
Fonte: Wikipedia

25 de junho de 2016

David Bowie gravou a versão definitiva de Volare

Curta o clipe da música Volare com a versão definitiva da canção composta por Franco Migliacci e Domenico Modugno usada como trilha para o novo comercial da companhia aérea Alitalia. Veja o post sobre a campanha no Meu Blues Pra Você


Volare
Franco Migliacci e Domenico Modugno

Nel blu dipinto di blu, felice di stare lassu'
Nel blu dipinto di blu, felice di stare lassu'

Penso che un sogno cosi' non ritorni mai piu'
mi dipingevo le mani e la faccia di blu
poi d'improvviso venivo dal vento rapito
e incominciavo a volare nel cielo infinito

Volare, oh oh
Cantare, oh oh oh
Nel blu dipinto di blu, felice di stare lassu'

E volavo, volavo felice, piu' in alto del sole ed ancora piu' su
mentre il mondo pian piano spariva lontano laggiu'
una musica dolce suonava soltanto per me

Volare, oh oh
Cantare, oh oh oh
Nel blu dipinto di blu, felice di stare lassu'

Nel blu degli occhi tuoi blu, felice di stare quaggiu'

E continuo a volare felice, piu' in alto del sole ed ancora piu' su
mentre il mondo pian piano scompare negli occhi tuoi blu
la tua voce e' una musica dolce che suona per me

Volare, oh oh
Cantare, oh oh oh
Nel blu dipinto di blu, felice di stare lassu'

Nel blu degli occhi tuoi blu, felice di stare quaggiu'
Nel blu degli occhi tuoi blu, felice di stare quaggiu'
Nel blu degli occhi tuoi blu, felice di stare quaggiu'
con te


11 de maio de 2016

Don't Stop Me Now, do Queen foi usada como trilha do Nissan SUV

Queen - Don't Stop Me Now, 1979
Escrita por Freddie Mercury "Don't Stop Me Now" é um single da banda britânica de rock Queen, lançada em janeiro de 1979 pela primeira vez no álbum Jazz. Possui uma melodia mais voltada ao rock puro, diferente de outras canções da banda que tinham um caráter mais melancólico e melódico. A sua letra possui um caráter eufórico e poético: o narrador diz nunca querer parar de viver tão intensamente usando várias metáforas. Por ser uma canção extremamente conotativa, há várias formas de interpretação dessas metáforas. O Queen era formado por Freddie Mercury (vocais, piano e composição); Brian May (guitarra e vocais); Roger Taylor (bateria, percussão e vocais) e John Deacon (baixo). 
Conheça o comercial da Nissan SUV que usou essa canção como trilha sonora no Blog Meu Blues Pra Você.


Don't Stop Me Now
Freddie Mercury

Tonight I'm gonna have myself a real good time
I feel alive and the world it's turning inside out Yeah!
I'm floating around in ecstasy
So don't stop me now don't stop me
'Cause I'm having a good time having a good time

I'm a shooting star leaping through the skies
Like a tiger defying the laws of gravity
I'm a racing car passing by like Lady Godiva
I'm gonna go go go
There's no stopping me

I'm burning through the sky yeah!
Two hundred degrees
That's why they call me Mister Fahrenheit
I'm trav'ling at the speed of light
I wanna make a supersonic man out of you

Don't stop me now
I'm having such a good time
I'm having a ball
Don't stop me now
If you wanna have a good time
Just give me a call

Don't stop me now ('cause I'm having a good time)
Don't stop me now (yes I'm having a good time)
I don't want to stop at all... yeah!

I'm a rocket ship on my way to Mars
On a collision course
I am a satellite I'm out of control
I am a sex machine ready to reload
Like an atom bomb about to
Oh oh oh oh oh explode

I'm burning through the sky Yeah!
Two hundred degrees
That's why they call me Mister Fahrenheit
I'm trav'ling at the speed of light
I wanna make a supersonic woman of you

Don't stop me
Don't stop me
Don't stop me
Hey hey hey!

Don't stop me

24 de abril de 2016

Warm in the Winter é a música do comercial da Air France

Glass CandyGlass Candy é um duo norte-americano de música eletrônica de Portland, Oregon, formado em 1996 pela vocalista Ida No e o produtor e multiinstrumentista Johnny Jewel, contratada do selo italiano Do It Better.

Enquanto os primeiros trabalhos da Glass Candy misturavam elementos de new wave, indie rock e glam rock, mais recentemente o  som incorporou synthpop e disco.

O duo Glass Candy lançou 3 álbuns de estúdio:
- Love Love Love (2003, Troubleman Unlimited)
- B/E/A/T/B/O/X (2007, Italians Do It Better)
- Body Work (2015, Italians Do It Better)

Conheça mais sobre essa banda no site Free Music Archive, onde é possível baixar as músicas.
Saiba tudo sobre o comercial da Air France no Meu Blues Pra Você.

Glass Candy - Warm in the Winter
O vídeo foi dirigido por Alberto Rossini para o selo Italians Do It Better Films.
Filmado in loco durante a excursão na Costa Oeste no final do verão de 1911.


2 de abril de 2016

I'm a Believer, de Neil Diamond e sucesso com The Monkees é usada em comercial

Assista o vídeo original da música "I'm a Believer", de autoria de Neil Diamond e gravada em 1966 pela banda The Monkees. A música foi regravada pela banda Smash Mouth, cuja versão foi usada no filme de animação Shrek como trilha do Comercial do Sabão em Pó OMO. Saiba tudo sobre a peça publicitária no Blog Meu Blues Pra Você


I'm a believer
Neil Diamond

I thought love was only true in fairytales
Meant for someone else but not for me
Love was out to get me
That's the way it seemed
Disappointment haunted all my dreams

Then I saw her face, now I'm a believer
Not a trace of doubt in my mind
I'm in love, I'm a believer
I couldn't leave her if I tried

I thought love was more or less a givin' thing
But the more I gave the less I got
What's the use in trying?
All you get is pain
When I needed sunshine I got rain

Then I saw her face, now I'm a believer
Not a trace of doubt in my mind
I'm in love, I'm a believer
I couldn't leave her if I tried

Love was out to get me
Now that's the way it seemed
Disappointment haunted all my dreams

Oh then I saw her face, now I'm a believer
Not a trace of doubt in my mind
I'm in love, I'm a believer
I couldn't leave her if I tried

Yes I saw her face, now I'm a believer
Not a trace of doubt in my mind
Said I'm a believer, yeah, yeah, yeah, yeah, yeah
(I'm a believer)
Said I'm a believer, yeah
(I'm a believer)
Said I'm a believer, yeah
(I'm a believer)

I thought love was only true in fairytales
Meant for someone else but not for me
Love was out to get me
That's the way it seemed
Disappointment haunted all my dreams

Then I saw her face, now I'm a believer
Not a trace of doubt in my mind
I'm in love, I'm a believer
I couldn't leave her if I tried

I thought love was more or less a givin' thing
But the more I gave the less I got
What's the use in trying?
All you get is pain
When I needed sunshine I got rain

Then I saw her face, now I'm a believer
Not a trace of doubt in my mind
I'm in love, I'm a believer
I couldn't leave her if I tried

Love was out to get me
Now that's the way it seemed
Disappointment haunted all my dreams

Oh then I saw her face, now I'm a believer
Not a trace of doubt in my mind
I'm in love, I'm a believer
I couldn't leave her if I tried

Yes I saw her face, now I'm a believer
Not a trace of doubt in my mind
Said I'm a believer, yeah, yeah, yeah, yeah, yeah
(I'm a believer)
Said I'm a believer, yeah
(I'm a believer)
Said I'm a believer, yeah
(I'm a believer)


31 de março de 2016

Conheça o duo inglês Aquilo, que fez a trilha do comercial da árvore, da Unilever


Aquilo é um duo de Silverdale, Inglaterra, formado por Ben Fletcher e Tom Higham cuja música You There é a trilha do comercial da árvore que abandona a floresta e vai para a cidade, do grupo Unilever. Você pode assistir o comercial no blog Meu Blues Pra Você.

Aquilo é Ben Fletcher e Tom Higham

Eles ganharam destaque no The Guardian e no blog norteamericano Pigeons e Planes. A música "You There" foi escolhida para ocupar a 1ª posição na playlist da Rádio BBC 1 em 2014. Com um estilo "eletro-pop suave e calmo com um veio hipnótico".
Você pode acompanhar a dupla nas mídias sociais:
Facebook (https://www.facebook.com/aquilouk)
Twitter (https://twitter.com/aquilo)


You There
Tom Higham / Ben Fletcher

You there, you're better off here
You there, you're better off here 

Funny it takes no time to fall back down 
Funny it takes the time to get back up 

ooooh 

uncover your eyes
uncover your eyes
there's no sun, where is your direction?
uncover your eyes
uncover your eyes
ask your self, where is your reflection? 

ohhhhh 

uncover your eyes
uncover your eyes
theres no sun, where is your direction?
uncover your eyes
uncover your eyes
ask yourself, where is your reflection? 

29 de outubro de 2015

I am an Astronaut, do comercial do Mercado Livre, com Snow Patrol

"I am an Astronaut" é uma canção gravada pelo cantor britânico Ricky Wilde em 1972 quando tinha 11 anos de idade. Foi composta pelo seu pai, Marty Wilde e Peter Shelley. Foi regravada pelo Snow Patrol em 2006 para a compilação "Colours Are Brighter" e também foi o lado B do compacto "Open Yor Eyes". 
Em 2015 "I Am an Astronaut" foi usada como trilha sonora do comercial do Mercado Livre. Leia o artigo no blog Meu Blues Pra Você.


"I Am an Astronaut
Pete Shelley e Marty Wilde

i am an astronaut
i am an astronaut
daddy is away and mum's asleep
and i am an astronaut

i am a polar bear
i am a polar bear
i'm anything i want to be
when nobody else is there

like a gorilla, he's a real killer yeah
he's a real gunman
yeah that's what i am

i am an astronaut
i am an astronaut
daddy is away and mum's asleep
and i am an astronaut

i'm up among the stars
i'm up among the stars
i'm in a super time machine
and i'm on my way to mars

like a gorilla, he's a real killer yeah
he's a real gunman
yeah that's what i am

like a gorilla, he's a real killer yeah
he's a real gunman
yeah that's what i am

i am an astronaut
i am an astronaut
daddy is away and mum's asleep
and i am an astronaut

Versão original com Ricky Wilde 
e uma constelação de astros!

Os Astronautas são: 
Giorgio Koppehele - Produtor e Teclados
Vincent Clarke - Teclados
Ricky Wilde - Voz
Nick Beggs - Baixo
Warren Cann - Bateria
Jeff Wayne - Intro
Alan Parsons - Guitarras
Guitarrista convidado para o vídeo Carl Verheyen

Equipe de Terra:
Nick Boyles, Dirk Hohmeyer, Gernot Groemer, Professor Tim de Zeeuw, Clive Wyles, Julie Hewitt, Nick Howes, Frank Ude, Michael Nytsch, Danyon Lloyd, Bernie Woldt, Patrick Geeraert , Lisa Marie Parsons, Tabitha Parsons, Danny Thompson, Guy Erez, Roger Lyons, Martyn Ware, Martin Koppehele, Julia Baisch, Schneider Susanne, Reinhard Muecke, Matthias Knopp, Stacey Severn, Phillip Keane, Damian Collier, Gyongyike Lowery Sandor, Simon Lowery.